Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

OMG! She's a book reviewer!



Quinta-feira, 01.05.14

Philippe Claudel - A Neta do Senhor Linh

Nunca tinha lido Philippe Claudel e talvez nunca lhe tivesse pegado se não me tivessem recomendado todos os livros dele - este em particular - tão veementemente. Disseram-me para esperar um ambiente pesado e alguma loucura. Relativizei o ambiente lúgubre por ainda trazer comigo os traumas da guerra civil nigeriana em "Meio Sol Amarelo", mas todas as descrições - reforçadas quase sempre com dupla adjetivação - remetem de facto para uma atmosfera cinzenta, sombria e melancólica. O protagonista, um velho, muito velho, que assistiu à morte de toda a família e se viu obrigado a refugiar-se num país que não conhece e onde falam uma língua que não percebe, reforça a soturnidade desta novela.

A neta recém-nascida que traz junto ao peito e de quem cuida como se nela se concentrasse todo o passado e todo o futuro é o elemento contrastante que acalma, que transmite serenidade e a certeza de que tudo está e ficará bem. É a ela que vai buscar a vontade imensa de continuar, de suportar no fim da sua vida um recomeço que o marginaliza.

Sentar-se num banco, num dia frio, e conhecer o Senhor Bark mostrar-lhe-á o poder de uma amizade que vai além das palavras que não podem ser compreendidas, com ele revolverá as imagens que traz agarradas à memória: da sua terra, do cheiro dos campos, dos sons das famílias que moravam lado a lado na aldeia que desapareceu do mapa e que estavam ligadas só por partilharem a existência, ali. Esta amizade e o futuro da neta que segura nos braços firmes vão mantê-lo vivo, consciente, e fazê-lo resistir muito para lá das suas possibilidades.

A escrita de Philippe Claudel é limpa, as frases curtas em capítulos curtos guiam eficazmente o leitor através dos diferentes cenários e apresentam-lhe as personagens, uma a uma, demorando-se nelas exatamente o tempo suficiente e necessário. É desta forma que resta, no fim da leitura, ao leitor, não mais do que o essencial.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Inês às 13:20



Eu e as redes sociais

Facebook
Instagram
Goodreads
Twitter

No Youtube



O que ando a ler


goodreads.com

No baú

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Mais sobre mim

foto do autor


Blogs Portugal